Vik Muniz, finalmente um brasileiro.

por thaís serafini

Pensando em escrever sobre o artista plástico Vik Muniz percebi que infelizmente oa artistas brasileiros não aparecem muito frequentemente por aqui. Preconceito meu ou das minhas fontes? Ou a nossa participação e alcance no mundo das artes e design ainda são iniciantes demais? Muitos dizem que é porque ainda estamos numa fase de descobrir nossa identidade própria e deixar de copiar o que é produzido lá fora. Apesar de não querer desmerecer a nossa área com uma generalização dessas, eu concordo. Mas não é nossa culpa unicamente, quem vive o Brasil sabe que por aqui ‘o buraco é mais embaixo’.

Mas voltando ao tema, o Vik Muniz é um destes que já encontrou há tempos a sua maneira de se expressar artisticamente e por isso é o artista brasileiro que mais vende no estrangeiro (segundo o seu próprio filme). Falando nele, Lixo Extraordinário foi filmado durante dois anos em um projeto com os catadores de lixo em um dos maiores aterros sanitários do mundo, na periferia do Rio de Janeiro. Indicado ao Oscar de Melhor Documentário neste ano, é um retrato sensível de uma profissão erroneamente desvalorizada no nosso país ao entrar em contato com a realidade da arte contemporânea.

E falando em retratos, especialidade do Vik, compartilho abaixo algumas de suas obras realizadas com outros materiais insólitos, além do lixo.

 

vik muniz

 

vik muniz

 

vik muniz

 

vik muniz

 

vik muniz

 

Via La Boite Verte. Viram só, compartilhado por blog francês e não brasileiro.

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: