uma aula de Simetria Dinâmica

por thaís serafini

O desenhador deve dominar os elementos básicos de composição e de definição matemática para a obtenção de formas harmônicas, proporcionadas e simétricas. Sabe-se que, há séculos, grandes desenhadores artistas, como Sandro Botticelli e Leonardo da Vinci se baseavam em estudos matemáticos para auxiliar a composição de suas obras, tornando-as agradáveis aos olhos dos apreciadores.

[…] Facilmente encontrada na natureza – em conchas, flores e no corpo humano – a simetria dinâmica foi imortalizada na antiguidade clássica pelos gregos que, após terem-na conhecido através dos egípcios, por volta de 600 a.C., aplicaram-na intensamente em trabalhos artísticos, especialmente templos.

por Rodrigo Cury, autor da tal ‘aula’ e que pode (e deve) ser lida na íntegra aqui.

 

simetria em Silence, 1929

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: