5 de novembro, dia do Design

por thaís serafini

Dia 5 de novembro é uma data que simplesmente não poderia passar em branco por aqui num dito blog de design. A data é comemorada erroneamente por aí – mas desde que tenhas fins positivos, não se pode julgar tanto assim –  pois trata-se do dia do Design e não do pobre profissional da área (eu me incluo nessa).

Digo pobre porque ainda somos profissionais talentosíssimos mas pouco reconhecidos. Temos culpa, é claro, não caímos de pára-quedas nessa situação. A verdade é que ainda competimos entre nós ao invés de trabalharmos juntos, ainda difundimos a ideia de que design é só a estética, ainda copiamos o que é produzido fora do país e chamamos de reinterpretação. Ainda não conseguimos desenvolver nosso estilo próprio, mas isso não deve ser um problema pois os gringos acreditam no nosso potencial criativo mesmo quando nós mesmos parecemos duvidar dele.

Tanta falação para dizer que, apesar de tudo, sinto-me orgulhosa de ser designer pelo simples fato de poder defender o design com conhecimento do assunto. Acredito na capacidade que o design tem de transformar vidas, ideias, pessoas e o próprio mundo. Design é questão de ponto de vista, de planejamento, de fazer da vida humana mais prática e mais natural em um mundo tão moderno e assustador.

Finalizo com as palavras de quem realmente sabe usá-las e tem autoridade para falar sobre design, senhor Achile Castiglioni, entre os mestres que tivemos a sorte de ganhar:

 

“Como transformar-se em um bom designer?

Se vocês não são curiosos, esqueçam.

Se não lhes interessam os outros, o que fazem e como agem, então a profissão de designer não é para vocês.

Não pensem em se tornar inventores do mundo. Não é assim, e nem deve ser.

Comecem a praticar a auto-ironia e a auto-crítica. […]

Um bom projeto não nasce da ambição de deixar uma marca, mas da vontade de instaurar uma mudança, mesmo que pequena, com o desconhecido personagem que usará o objeto projetado por vocês. […]

Apaguem a ideia do esplêndido isolamento de artista. Um objeto de design é o fruto do esforço conjunto de muitas pessoas de diversas competências. O trabalho do designer é a síntese expressiva deste trabalho coletivo.”

 

 

 

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: